Entidades

SNIC trouxe informação e tecnologia para o setor de calçados

Francal foi um dos patrocinadores do encontro, realizado no dia 21 de agosto.

 

Com mais de 400 participantes, a 23ª edição do Seminário Nacional da Indústria Calçadista – SNIC, realizado pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) em conjunto com os sindicatos das indústrias de calçados de Três Coroas (SICTC) e de Igrejinha (Sindigrejinha), trouxe uma tarde de conteúdo relevante para o setor no último dia 21, na Faccat, em Taquara/RS.

O gestor de Projetos da Abicalçados, Cristian Schlindwein, destaca que o evento cumpriu o seu papel, em uma edição histórica. “Há mais de 20 anos realizamos o SNIC, sempre com temas relevantes e contemporâneos para a Indústria”.

“Nesta edição, que se comprometeu a discutir as limitações diárias para o desenvolvimento de marcas”, prossegue, “trouxemos um time com grandes nomes para falar sobre soluções e ferramentas sobre marketing digital e negócios e o resultado foi fantástico, com um público recorde e com grande apetite por informação”, avalia o gestor, ressaltando também a parceria com os sindicatos da indústria na realização do evento. 

Após as boas vindas do presidente-executivo da Abicalçados, Haroldo Ferreira, a palestra de Natália Ferreira, Creator Manager da Pinterest na América Latina, abordou como a plataforma pode auxiliar as empresas com novas possibilidades de negócios.

“As pessoas buscam referências no Pinterest, referências que se tornarão compras no futuro. Então a rede é um lugar muito importante para as marcas”, disse, ressaltando que mais de 70% dos usuários consideram a ferramenta útil na busca de produtos.

Segundo ela, são mais de 300 milhões de usuários em todo o mundo, mais da metade deles fora dos Estados Unidos, país berço da plataforma. “Hoje, o Pinterest ultrapassou plataformas conhecidas como o Twitter e o LinkedIn em número de usuários e está em pleno crescimento no Brasil”, frisou.

Para potencializar ainda mais a participação das marcas na rede social, Natália destacou que é preciso estar atento para postagens de fotos de qualidade, além de sincronizar a rede com o catálogo do e-commerce, deixando os links visíveis na bio das imagens. Na sequência, Rafael Terra, CEO da Fabulosa Ideia, falou sobre marketing digital com foco em vendas, ressaltando a importância da presença nas redes sociais para os negócios.

Criador de chatbots como a boneca Lu, da Magazine Luiza, Rodrigo Scotti, CEO da Nama, trouxe o tema da Inteligência Artificial para o palco. Fazendo um histórico do desenvolvimento do conceito, Scotti destacou que o mundo vive uma evolução exponencial das tecnologias e que é preciso acompanhar a tendência.

Ressaltando dados de estudos da Mobile Trend, Scotti apontou um crescimento de mais de 350% na utilização dos chatbots no último ano. Segundo ele, os aplicativos de mensageria ultrapassaram as redes sociais ainda em 2015, então o mais indicado como canal de relacionamento, atendimento e vendas com o cliente é justamente o chat, de preferência aliando inteligência artificial e o trabalho humano, aumentando consideravelmente a conversão de vendas.

Encerrando as palestrantes da manhã, Leonardo Haushild, diretor da Marke, listou 10 dicas para se destacar no ambiente digital. O consultor Sílvio Nunes abriu a tarde de palestras com muita interação com o público. Trazendo elementos de mágica – uma das tantas atividades exercidas pelo palestrante -, Nunes ressaltou a importância de se fazer o que gosta, mesmo sem um objetivo, citando a trajetória do criador da Apple Steve Jobs.

“Ele se formou em Caligrafia, porque gostava disso. Não usou para nada naquele momento, mas posteriormente a matéria foi importante para que criasse todo o sistema de fontes do sistema de computação”, disse. “Tenha hobbies, experimentem-se, nem tudo precisa ter um sentido imediato”, finalizou. 

Apresentando o case da Triider, o diretor da empresa, Juliano Murlick, falou sobre os desafios da implementação de um market place com o exemplo da sua empresa, especializada em conectar usuários que buscam profissionais para serviços de reparação doméstica. Guide Shops foi o assunto da palestra de Gustavo Reis, criador da Vnda Ecommerce, que falou sobre o papel a importância da sinergia entre o varejo físico e on-line, ressaltando a mudança no perfil dos consumidores, mais interessados na experiência de compra do que na posse dos produtos.

Trazendo o case da FARM, Pedro Horta, coordenador de Sustentabilidade do Grupo Soma, destacou que a sustentabilidade deve estar na cultura da empresa e não ser apenas um discurso. “As empresas precisam entender que vivemos na era da informação, os consumidores estão buscam mais do que um produto”, disse. O dia intenso de conteúdos encerrou com o Business Development Manager da Vtex, Danilo Erlam, que falou sobre o e-commerce cross-border.

O SNIC contou com os patrocínios da Colorgraf, Couromoda e Francal, e a parceria das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), Associação Brasileira dos Agentes Digitais (AbradiRS), Associação Brasileira das Indústrias de Máquinas e Equipamentos para os Setores do Couro, Calçados e Afins (Abrameq), Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB), Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçado e Artefatos (IBTeC), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes (Fimec).

 

Leia também: Google Showcase: conheça essa nova maneira de anunciar on-line

Leia também: Calçadistas comemoram exportações do primeiro semestre do ano

 

Fonte: Abicalçados

Redes Sociais